Renda

Antes de mais nada é preciso ter renda. A fórmula é simples:

Sobra = Renda - Despesa

Para que tenhamos uma sobra para aplicar, investir, … é preciso ter renda. Se a renda é um problema, então é necessário estudar, trabalhar, ou seja, comece investindo em você. Sem dúvida esse é o melhor investimento que você pode fazer.

Havendo renda precisamos estar atentos às despesas. Despesa maior que a renda é um grande problema, inevitavelmente você estará acumulando dívidas e não um patrimônio.

Parece óbvio, mas não é incomum estarmos usando o cheque especial, gastando mais do que devíamos no cartão de crédito, possuir algum consignado no contracheque ou financiamentos que parecem não ter fim.

Você pode se surpreender ao descobrir o quanto gasta no cafezinho e aquele pão de queijo do dia a dia, nos eventuais pedidos de lanche à noite, no gasto com o happy hour, … acumulados no final do mês.

Portanto, melhorando a renda e/ou diminuindo a despesa você estará aumentando o capital que você terá livre para poder aplicar ou investir para a aquisição de um bem de alto valor, para a sua complementação de renda ou até mesmo para a sua independência financeira.

A Dura Realidade

A regra é simples, entender a fórmula também, mas trilhar o caminho já é outra história.

Provavelmente a parte mais fácil para começar é reduzindo a despesa, sobre ela temos controle direto e sempre podemos aprender a cortar algum gasto desnecessário, mas para isso é preciso conhecer a si e a natureza dos seus gastos.

Já tem 7 anos que registro todas as minhas despesas e é incrível como essa ferramenta nos torna mais conscientes acerca do valor das coisas. Veja o artigo Quanto Custa um Carro.

Esse é um trabalho que precisa de disciplina, mas garanto que não é algo de outro mundo ou que consuma muito tempo. Basta que registre os gastos de forma mais geral, em categorias, por exemplo: alimentação, carro, casa,…

Eu faço esse controle por meio de uma planilha, mas atualmente existem muitas ferramentas de fácil acesso e gratuitas para auxiliar nessa atividade.

Essas ferramentas podem até mesmo se conectar ao seu banco e/ou cartão de crédito para classificar automaticamente as despesas.
Vejamos algumas delas:

1. GuiaBolso

Plataformas: iOS, Android, Web
Custo: Gratuito
Site: https://www.guiabolso.com.br/

2. Mobills

Plataformas: iOS, Android, Web
Custo: Gratuito/Pago
Site: https://www.mobills.com.br/

3. Organizze

Plataformas: iOS, Android, Web
Custo: Gratuito/Pago
Site: https://www.organizze.com.br/

4. Wisecash

Plataformas: Android
Custo: Gratuito
Site: https://www.wisecashapp.com.br/

5. Wally+

Plataforma: iOS, Android
Custo: Gratuito/Pago
Site: http://wally.me/

O ideal é que você experimente e utilize mais de uma ferramenta para encontrar aquela que mais se adequa à sua necessidade e ao seu agrado. O GuiaBolso é uma das mais famosas, possui diversos comentários e ratings de boa classificação.

Conseguindo poupar, você pode ir para o segundo passo que é fazer a reserva de emergência.

Categorias: Introdução

João Paulo Delgado Preti

Doutor pela Escola Politécnica da USP, possui mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é professor associado do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Mato Grosso e presta consultoria em desenvolvimento de software.

1 comentário

Os comentários estão fechados.