Ferramenta

Você pode visualizar os gráficos por meio da ferramenta localizada em https://br.investing.com/charts/stocks-charts. Outra ferramenta bastante interessante é a https://br.tradingview.com/.

Ferramenta para visualização gráfica das negociações na bolsa

Gráfico de Linha vs Gráfico de Candlestick

Normalmente, enquanto na renda fixa, estamos acostumados a visualizar gráficos de linha ou de barras para verificar a evolução (do preço, de um indicador econômico, do rendimento,…) ao longo do tempo.

O exemplo abaixo apresenta um gráfico de linha/área da evolução dos valores das cotas do fundo imobiliário XPML11:

Gráfico de Linha do FII XPML11

Esse tipo de gráfico tem a vantagem de ser simples porque mostra apenas o preço de fechamento para cada intervalo de tempo analisado (neste gráfico é diário) ao longo do período, mas tem a desvantagem de não apresentar nenhuma informação sobre como foi a variação do preço nesse intervalo.

Usamos o termo intervalo de tempo porque cada ponto no gráfico pode representar 1 min, 15 min, 30 min, 1 hora, 1 dia, 1 mês, … de acordo com a configuração do gráfico. Nos gráficos deste artigo, cada ponto representa 1 dia, ou seja, todas as negociações no dia do pregão na bolsa. Perceba que nos gráficos, ao lado do código do ativo (XPML11), existem os valores: 1m, 30m, 1h, D. O valor D (diário) está selecionado na cor azul.

Atenção

Já o gráfico de candlestick apresenta 4 preços para cada intervalo de tempo (também diário neste exemplo) de negociação. Veja abaixo o mesmo gráfico anterior de XPML11 só que como candlestick.

Gráfico de Candlestick do FII XPML11

O candlestick apresenta duas vantagens:

  • Visualização mais fácil das tendências, graças ao seu padrão de cores que identificam fechamentos positivos e negativos;
  • Formam padrões que podem significar indefinição, possível reversão ou continuação de movimentos.

O termo em língua inglesa candlestick (candelabro) se deve ao fato dos elementos gráficos utilizados na representação dos preços praticados pelo mercado lembrarem o formato de velas, distribuídas sobre a área do gráfico.

Estrutura do Candlestick

Candlestick é o nome dado para cada retângulo (vermelho/verde ou preto/branco) com linhas presente no gráfico.

Ao retângulo damos o nome de corpo do candlestick e as linhas chamamos de sombra. Um candlestick pode não ter sombra, mas sempre terá um corpo. Vamos entender como ler o candlestick.

A primeira coisa que podemos observar é a diferença nas cores.

Estrutura do Candlestick

O candle verde (pode ser branco também) indica um candle de alta, ou seja, o preço fechou positivo no intervalo analisado (mais alto em relação ao preço de abertura). Já o candle vermelho (pode ser preto também) indica um candle de baixa, ou seja, o preço fechou negativo no intervalo analisado (mais baixo em relação ao preço de abertura).

Perceba que no gráfico de candlestick verde, o preço de abertura foi de R$ 10,72 e fechou a R$ 11,00, ou seja, uma alta de 2,6%. Já no gráfico de candlestick vermelho, o preço de abertura foi de R$ 11,00 e fechou a R$ 10,72, ou seja, uma queda de 2,5%.

Perceba também que existem duas linhas retas e finas nos extremos do candlestick. Essas linhas são chamadas de sombras (sombra superior e sombra inferior).

Essas linhas nos mostram a variação do preço no intervalo analisado. A sombra superior mostra o maior preço negociado no intervalo, enquanto a sombra inferior mostra o menor preço.

Perceba no gráfico que, independentemente de ser o candle verde ou vermelho, o maior preço alcançado foi de R$ 11,23 e o menor R$ 10,42. Isso quer dizer que a variação dos preços negociados foi maior do que 7%.

No começo pode parecer estranho, mas procure sempre que possível visualizar utilizando o gráfico de candlestick para ir se acostumando.


João Paulo Delgado Preti

Doutor pela Escola Politécnica da USP, possui mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atualmente é professor associado do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Mato Grosso e presta consultoria em desenvolvimento de software.

4 comentários

Adalberto Lopey · 10 de Março, 2020 às 4:07

fantastic issues altogether, you simply received a brand new reader. What might you suggest about your publish that you simply made some days in the past? Any positive?

    João Paulo Delgado Preti · 10 de Março, 2020 às 7:02

    Thank you Adalberto. I’m now in a project for developing a finance tool and that’s taking me a lot of time but I will keep your kind suggestion in mind.

Bernardina Duck · 25 de Março, 2020 às 3:21

Wonderful great going, I love your work and look forward for more work from your side. I am a regular visitor of this site and by now have suggested many people.

Os comentários estão fechados.